Previsões 2021 Maria Mulambo

                                                                                                             Previsões 2021 Maria Mulambo ( Por Edijane Sarruf )

                                                                                                                    


Janeiro 

Começamos aqui no mês de janeiro em uma vibração de muita ansiedade, de espera.

Existe esperança mas há ainda introspecção, de esperar para ver o que vai acontecer.

Existe vontade de que as coisas aconteçam, de fazer, de ir além,  em busca de tudo o que parece ter sido perdido. 

Situações que batem à porta  inesperadamente. O querer reviver um tempo que se foi.

Fala também de pesquisa, o que pode ser feito, um impulso grande, uma vontade de realizar coisas, de ir em busca de novidades e possibilidades, inclusive para a questão da cura da COVID19, de voltar a uma ordem.

O impulso por novidades , pois ninguém aguenta mais ficar parado, esperando e ao mesmo tempo existe o medo, uma introspecção, o olhar com cautela.

É o querer refazer e ao mesmo tempo se conter. 

O mês de janeiro vai marcar um momento da necessidade de querer sair, fazer, ir em busca daquilo que foi perdido ou pelo menos do que acredita-se ter perdido. Mas há também o medo, uma reserva, a procura por aquilo que ainda não há certeza se vai dar certo.

Energia de realização, de buscar a verdade e ir em frente, de fazer algo para sair dessa situação em que todos nos encontramos.

O mês de Janeiro é de busca,  esperança mas também de desconfiança e incertezas.

 

Fevereiro 

Já no mês de fevereiro Maria Mulambo  aponta um mês onde mudanças bruscas vão acontecer. Situações inesperadas que podem surgir  e pegar todo mundo de surpresa. Teremos surpresas boas, na questão saúde, vacinação gerando ainda mais esperando de melhora. 

Mas ainda haverão muitas notícias de mortes, perdas de comércios que foram fechados,  perda financeira, uma energia de revés. Uma energia que ao mesmo tempo traz esperança para solução de algo muito grande que está acontecendo mas também é o momento onde se olham as perdas citadas anteriormente.

O mundo inteiro preocupado com a economia, como é que vão equilibrar em meio a tudo isto, como recuperar. 

Notícias inusitadas que vão trazer um pouco de esperança, mas com uma preocupação grande no âmbito econômico. 

Ainda energia de perdas, contenções e insegurança. 


 Março 

Para a energia de março Maria Mulambo vem falando do começo de uma possibilidade de equilíbrio. É possível que haja em alguns países assim como no Brasil uma intervenção judicial em relação às vacinas, ao tratamento da COVID19. É como se uma intervenção fosse acontecer para que as coisas possam começar a dar certo, um impulso.

Existe no mês de março uma atmosfera mais amorosa, onde as pessoas vão estar tão assustadas com tudo o que aconteceu nos meses antecessores que vão olhar para o outro com mais amorosidade,  empatia e existe até um movimento maior das pessoas de se conterem de olhar para tudo o que foi perdido e tentar fazer o melhor. Como já disse aqui existe uma possibilidade de intervenção judicial em muitos países para que as coisas possam acontecer com uma ordem maior.

Em alguns lugares a vacinação não vai se dar com tanta eficiência como se pensa. E aí a gente percebe no mês de março um alívio, um respirar mais leve, uma esperança crescendo, as pessoas tendo mais empatia, se resguardando mais, olhando para as outras com amorosidade querendo que as coisas deem certo.

Neste mês,  o mundo estará mais consciente, por estar mais cansado de tudo que vem acontecendo,  então é uma busca  para que de fato haja uma melhora,  um descanso,  um respiro. E existe aqui de fato uma possibilidade de um começo de mudança.

 

Abril 

No mês de abril a gente fala de um desgaste muito grande, de perdas significativas principalmente financeiras. É a mudança acontecendo , mas aos poucos. Ainda teremos notícias de mutação do corona vírus e perdas financeiras grandes. É como se o mundo ainda estivesse fora do seu eixo, mas existe aqui um caminhar que vem já desde o mês de março, que embala no mês de abril para uma mudança,  novas perspectivas,  novos olhares, uma união maior entre as pessoas, países para que as coisas dêem certo. Pessoas que têm grande conhecimento dentro das questões relacionadas ao vírus, a saúde,  económicas e sociais, olhando com mais sabedoria e dando um norte para que as coisas comecem a tomar um rumo. Então eu vejo aqui, apesar de ser um mês que não vai ser fácil, com perdas e desgastes, haverá uma vontade muito grande, um impulso com sabedoria um impulso,  com um olhar mais  certeiro para aquilo que é preciso fazer. É uma união de forças muito grande.


Maio

 No mês de maio a gente percebe pelas cartas de Dona Maria Mulambo que vai ser um ano onde as pessoas vão estar com um sentimento muito grande de doação. Uma energia pairando de busca de novos caminhos e de soluções, de sentimentos apaziguado,de vontade de que as coisas dêem certo.

É preciso ter cuidado porque eu vejo aqui um movimento de muitas notícias que levam as pessoas a ficarem confusas, indecisas,  principalmente em relação à vacina e também aos caminhos que elas vão tomar na vida.

As novas possibilidades de trabalho, no mercado econômico,  as pessoas querendo buscar algo novo, mas ainda um pouco perdidas.

Vai ser um mês onde as pessoas vão estar muito mais ligadas às causas sociais e  preocupadas, com vontade de se doar mais.

Uma energia de confusão,  de saber o que fazer:  toma ou não toma vacina ? , abre ou não abre um negócio? . Vai ser um mês onde as pessoas vão estar muito sentimentais,  porém com a cabeça muito mexida com tudo o que aconteceu e tentando se reposicionar em um novo mundo, novas possibilidades, tanto na parte financeira como na parte afetiva,  relações familiares e até mesmo nas relações de educação. Eu vejo uma mudança nas diretrizes,  uma discussão em relação a como é que as coisas vão ficar daqui para frente. Então maio vai ser um mês onde paira no ar um sentimento de acolhimento, de ajuda de querer que dê certo, mas ainda há uma confusão muito grande e essa confusão ela vem muito de informações  trocadas onde deixam as pessoas com incertezas e inseguranças.

 

Junho

 O mês de junho vem trazendo uma possibilidade assertiva para o fim de  tristezas, de muitas coisas que estão acontecendo em todos os âmbitos. Existe aqui um cansaço , um esgotamento tão profundo e eu falo isso num sentido geral ,  que as pessoas começam a sentir um vigor, uma força, de fazer um movimento e uma vontade de que tudo dê certo.

Em junho vai ser um mês muito decisivo esse ano porque eu vejo que as pessoas começam a se comover mais com toda a situação que está acontecendo. Realmente existe uma energia de realização, uma potência muito grande, um esclarecimento sobre tudo e medidas mais válidas.

Depois de termos em maio uma confusão muito grande, incertezas, indefinições, a gente vê o mês de junho e com uma atmosfera realizadora, porque algo vai vir à tona e vai trazer  um posicionamento mais firme em relação a tudo o que está acontecendo a economia,  saúde,  governos. E isso resulta em algo muito bom.

A partir de junho a gente começa a perceber de fato um movimento de mudança em que se esgotam todas as possibilidades de indecisão, de escassez, de não dar certo.

Alguém trará  à tona  um grupo de pessoas muito importantes, empenhadas em trazer diretrizes novas para todos os âmbitos.

Será  um mês divisor de águas, com grande potencial para tomar atitudes assertivas,  acreditar e seguir em frente.

 

Julho 

No mês de julho a gente vê uma sequência aqui no baralho de Maria Mulambo em relação ao mês de junho. As cartas que saíram  falam exatamente de saúde,  de crescimento,  renovação daquilo que é semeado e que dá bons frutos.

Perceberemos uma mudança principalmente no campo da saúde.

Há ainda alguns bloqueios algumas dificuldades. Alguns lugares ainda com isolamento mas existe um olhar crítico e  mais apurado sobre toda essa situação trazendo  uma vontade de que tudo dê certo.

Algumas pessoas ainda sem acesso à vacina sob um olhar cuidadoso de um grupo social que vai se movimentar em alguns países para que as coisas comecem a dar certo. O que eu vejo aqui é que as pessoas não vão estar mais tão inertes,  indecisas em relação a tomar ou não a vacina, a tomar atitudes necessárias para que tudo que está acontecendo em torno cesse de verdade e  comece a ver uma luz no fim do túnel, um impulso para a mudança.

Julho é um mês que vem mostrando pra gente que as atitudes assertivas  de Junho vão continuar reverberando tanto nos meses de Julho como agosto.

 

Agosto 

No mês de agosto a gente vê aqui muita notícia , as pessoas se comunicando muito,  trazendo à tona tudo aquilo que era necessário de fato para que haja uma mudança. As pessoas vão estar mais ligadas à espiritualidade e vão estar mais voltadas para uma sensação de bem estar. Muitas notícias. Vai ser um mês onde a comunicação vai estar em voga.

Pode ser que tenhamos notícias  desagradáveis em relação aos nossos governantes. Coisas que estavam embaixo do tapete venham à tona mas em compensação muito esclarecimento em relação a tudo que está acontecendo, em relação à vacina, a tudo que é preciso ser feito para que a vida comece a voltar ao normal. E eu vejo aqui um mês de um movimento muito grande,  muita ação social com pessoas se voltando para aquilo que elas acreditam, para de fato sair dessa situação difícil que esse ano ainda representa.

2021  não vai ser um ano de tanta facilidade como algumas pessoas pensaram. Eu vejo aqui mais como um ano de superação ,de luta e de esclarecimentos.

 

Setembro

 Vejo ainda um fardo muito grande,  situações pesadas, mas novas possibilidades,  as pessoas podendo ter mais acesso a quem ama,  a família, ao trabalho. A vida se normatizando aos poucos. Isso não vai se dar de uma hora para outra, mas eu vejo aqui as pessoas começando a ter acesso àquilo que lhes é caro, a uma vida mais ou menos normal. Vai ser um mês de muita esperança, onde as pessoas vão estar muito voltadas para reformular as suas bases,  para aquilo que é importante de fato.

Tudo será de uma forma muito cuidadosa. Algumas questões ainda muito difíceis como economia e  saúde.

Existe  um sentimento de abertura e acesso a coisas que as pessoas já não

faziam há muito tempo e ainda um resquício de questões de governos vindo à tona.

 Será um mês onde as pessoas começam a ter mais acesso e começam a poder ver uma possibilidade de uma vida um pouco mais acessível, normalizada, porém sempre necessário cautela.

 

Outubro

 No mês de outubro as cartas de Maria Mulambo apresentam uma renovação depois de muito sacrifício. Novidades e esperanças, um renascimento, mas depois de muito sofrimento. Algumas pessoas ainda apegadas a velhos valores velhas crenças.

Eu vejo uma possibilidade ainda de um conservadorismo muito grande em relação a várias questões, não só no Brasil como no mundo.

Mas vem aí uma lufada de ar fresco, uma possibilidade de se olhar para o horizonte e cultivar  esperança.

As pessoas com sentimento mais leve, as coisas fluindo de uma forma mais harmônica, com mais leveza.

O mês de setembro  vai falar de recomeço em meio a  conflitos em relação ao governo no Brasil. No âmbito mundial alguns  países ainda tentando manter

um conservadorismo,  alguns bloqueios, mas no todo, setembro vai representar um mês onde de fato as pessoas vão estar mais renovadas, mais animadas,

esperançosas e com possibilidades realmente de recomeçar.

Uma atmosfera de esperança e de alegria no ar.

 

Novembro 

E aí nós vemos novembro vindo com um mês de muitas revelações, descobertas, situações vindo à tona tanto em relação a saúde, economia e mais uma vez repito:  questões relacionadas a governos e a política que virão à tona e vão causar alguns conflitos. Vai ser um mês onde as pessoas vão estar sonhando mais com ou tentando colocar os seus sonhos em prática.

Vai ser ainda um mês onde nós vamos sentir uma oscilação muito grande um medo de que tudo volte ao que era antes,  porque algumas notícias não serão tão boas. E aí pode haver um clima de tensão no ar,  mas as pessoas mantendo seus ideais,  sonhos e com muita vontade e  expectativas, para que de fato exista um recomeçar, uma nova possibilidade de vida. Muitas pessoas que perderam entes queridos sentindo muito. Não podemos dizer que vai estar tudo solucionado.

Mês de novembro vai trazer algumas oscilações e  muitas coisas vão vir à tona.

notícias muito ruins, mas notícias boas principalmente em relação às questões da saúde.

Já acho questões políticas e sociais nem tanto, por isso pode provocar lgumas oscilações. As pessoas podem se sentir realmente desamparadas com medos, conflitos mas como a esperança de que tudo dê certo.

Algumas pessoas ainda conseguindo realizar seus sonhos,  um sentimento de leveza persiste e de esperança , uma atmosfera de que a gente pode fazer com que as coisas possam dar certo mas ainda assim não vai estar tudo solucionado, nem  tudo apaziguado,  nem todas as pessoas vão estar atendidas nas suas necessidades.

 

Dezembro 

Aqui no mês de dezembro o mundo começa a realmente fazer a sua retrospectiva,  ver que 2021 não foi um ano tão leve , mas um ano de possibilidades e um ano de mudanças e de esperança. A gente vai ter politicamente falando algumas parcerias algumas fusões que podem dar certo, mas ainda assim o mês de dezembro vai ser um ano que vai trazer um pesar por todas as pessoas que foram perdidas, por tudo que ainda não está nos eixos.

Vai ser marcado como o mês em que as pessoas vão olhar para trás e dizer assim: “- puxa,  não foi tão bom como eu achei que fosse assim.”

É como se as pessoas se sentissem um pouco desiludidas,  mas criando forças, fazendo parcerias,  unindo elos para que as coisas comecem a mudar e  ter um outro significado de verdade.

2021 vai representar o ano da luta e da superação,  mas eu não  vejo ainda como um ano de vitória absoluta. É claro que são energias e  energias mudam. Eu estou fazendo aqui uma leitura que é muito generalizada

Uma leitura de Maria Mulambo para a energia desse ano de 2021,  uma energia global, onde algumas pessoas vão sentir mais, outras menos em cada mês.

É uma leitura bastante generalizada, mas para fechar eu digo que vai ser um ano de luta,  superação e, ao chegar do  final do ano, talvez as pessoas olhem para trás e digam assim:

“ - Sobrevivemos , mas ainda não está como nós gostaríamos que estivesse,  mas vamos lutar para isso.”